in

Corey Graves comenta sobre críticas feitas a CM Punk

Corey fez duras críticas a CM Punk

No último sábado, logo após CM Punk perder seu combate no UFC 225, Corey Graves tweetou várias coisas onde criticava indiretamente Punk. Em uma entrevista ao FightFul.com, Corey Graves comentou sobre um rumor de que CM Punk deu um ultimato a vários de seus amigos na WWE dizendo que eles teriam que escolher ficar na empresa ou ter a sua amizade. Graves disse:

“Bem, para ser honesto, eu não estava sabendo desse suposto ultimato. Meio que me chocou quando eu mandei uma mensagem para ele sobre jantarmos juntos porque estávamos em Chicago e ele me disse que não tinha mais interesse em ser meu amigo ou de alguém relacionado à WWE. Eu respeitei seu impulso, as coisas que eles estava fazendo. Ele me enviou o texto pouco antes de sua primeira luta no UFC. Parte de mim só pensava que ele estava diferente e eu não me ofendi. Mandei uma mensagem para ele no dia de sua PRIMEIRA luta, algo como “Eu sei que a vida é louca, eu ainda amo você, boa sorte” provavelmente não foi literal, mas você entende o que quis dizer.”

Graves explicou o que o fez enviar as mensagens no Twitter após a derrota de Punk no sábado passado:

“Meu único problema com ele foi que ele tocou o foda-se para as pessoas que realmente o amavam e o apoiavam. Além de não querer nada com o pro-wrestling, ele não queria mais nada conosco mas ainda assim continuava se mostrando como um “herói do Punk”. Eu estou muito machucado/chateado, ele era um cara que parecia ser um grande irmão e tipo, ele virou as costas para mim e para todos que os que o amavam e o apoiavam. E eu não sou o único. Eu não vou citar nomes, mas há um grande grupo de nós lutadores que até hoje inexplicavelmente perdeu um amigo real e estão chateados.”

Fonte: NoDq

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brock Lesnar quebra recorde de CM Punk

Resultados: RAW – 11/06/2018