in

Enzo Amore liberado de acusação de estupro

Polícia americana diz não haver provas contra o lutador

No início do ano, mais precisamente em janeiro, Eric Ardnt (Enzo Amore) foi suspenso pela WWE já que estava sob investigação policial em que era acusado de ter estuprado uma mulher. Dias depois, Amore foi demitido da WWE, que preferiu não contar com um lutador que estivesse envolvido em um caso tão grave.

O suposto estupro foi relatado por uma mulher chamada Philomena, que além do estupro ela alegou que Enzo Amore bateu nela em um quarto de hotel em Phoenix, no dia 19 de Outubro. Em seguida, a vítima alega que Enzo ficou muito agressivo, rasgou suas calças e a abusou em diversas partes do quarto do hotel. Philomena relatou também que chorou durante todo o ato, pedindo para que Enzo parasse. Entretanto, ele não parou. Ao terminar, Enzo a jogou na cama e ela bateu a cabeça forte, desmaiando em seguida.

Alguns dias após o ocorrido, Philomena foi até a delegacia de Phoenix e relatou o ocorrido, fazendo com que o caso fosse aberto.

Hoje a polícia americana disse não ter provas suficientes para levar adiante a investigação e que o caso agora é considerado encerrado.

Pelo Twitter, Enzo Amore postou a carta em que a polícia o libera da acusação:

Caso queira relembrar o caso, clique aqui.

Um comentário

Deixar uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WWE Tuesday Night SmackDown Live WWE SmackDown Live

Cobertura: SmackDown – 15/05/2018

Rich Swann assina com o Impact Wrestling