Esgoto Extremo #13 – Rumo a Wrestlemania!

Rodrigo “Rato” Péret analisa as rivalidades atuais da WWE rumo ao seu evento principal

O carnaval chegou e para nós brasileiros isso significa uma única coisa: A Wrestlemania está se aproximando! Vamos esquecer as bundas desfilando em carros alegóricos e nos focar na alegoria principal do Pro-Wrestling mundial, a primeira desde o retorno da divisão de brands da WWE! Quem terminará o evento coroado com o título como um Rei Momo? Deixando as comparações esdrúxulas entre Pro-Wrestling, vamos conferir quais sãos as prováveis possibilidades para o evento de daqui a mais ou menos um mês!

Smackdown:

Como um lutador do Smackdown venceu o Royal Rumble deste ano, vamos começar analisando a situação desta divisão. Bray Wyatt, atual campeão da brand azul, deveria enfrentar Randy Orton pelo cinturão principal, porém o mesmo se recusou a enfrentar seu “mestre”, ajoelhando-se e jurando lealdade. Uma pessoa sensata logo se questionaria por quê Orton não desafia o campeão do Monday Night Raw já que é assim, porém se há uma coisa que a luta-livre não é, é sensata. Obviamente a WWE resolveu que, este ano especificamente, o vencedor do Royal Rumble não poderá escolher qual dos dois cinturões principais irá disputar na Wrestlemania, algo que era permitido na primeira versão da Brand Split. Tal jogada mostra como a WWE muda suas regras para satisfazer seus planos, e seus planos aparentemente envolvem manter o Viper envolvido na rota do cinturão de Wyatt.

A rivalidade entre Orton e Bray Wyatt pode não apenas colocar Wyatt em outro patamar, mas também elevar Luke Harper.

Nos últimos Smackdowns vimos o General Manager Daniel Bryan convocar uma Battle Royal para definir o novo desafiante ao título de Wyatt, e vimos que AJ Styles e Luke Harper acabaram empatando, tendo se enfrentar em uma singles matches no Smackdown seguinte. Este artigo está sendo escrito antes da luta entre os dois acontecer, mas vamos usar o poder da mente e prever que:

* AJ Styles, de alguma forma, perderá para Luke Harper;

*AJ Styles, de alguma forma, culpará Shane McMahon pela derrota;

Assim, Luke Harper, agora face, se tornaria o desafiante ao cinturão, lutando contra Bray Wyatt em uma luta pelo cinturão após vencer o antigo campeão AJ Styles. Correto?

Quase. Afinal de contas, Randy Orton ainda terá direito a lutar pelo cinturão, e seja por fazer parte do seu plano o tempo inteiro (porque ele aparentemente tinha muita confiança de que Luke Harper venceria a Battle Royal), Orton irá entrar na luta com o pretexto de servir como ajuda para Bray. Entretanto, as chances de uma traição de Orton durante essa Triple Threat são grandes, e possivelmente veremos o Viper se tornar campeão mundial pela 13ª vez. Claro que a WWE pode nos jogar uma surpresa e Luke Harper pode sair da Wrestlemania como campeão, mas será que Harper está preparado para ser campeão principal do Smackdown? Será que o público irá apoiá-lo o suficiente? Será que a própria WWE vê em Harper potencial para alcançar este patamar?

Veja também:  WWE não planeja Royal Rumble Feminina em 2018

É preciso considerar que o antigo parceiro de duplas de Harper, Erick Rowan, está fora por contusão desde outubro do ano passado, com previsão para retorno… Em Abril deste ano. O que a WWE fará com Rowan quando ele retornar? Colocará ao lado de Bray novamente, ao lado de Luke Harper ou fará ele seguir seu próprio caminho, potencialmente até criando uma possibilidade de vermos os três membros da Wyatt Family em uma luta pelo cinturão? Possibilidades se abrem com Luke Harper com o cinturão, visto que apesar de o mesmo ser um azarão, talvez seja a melhor ideia para a WWE à longo-prazo. De toda forma, a última vez que uma rivalidade que incluía Randy Orton foi realmente interessante foi durante sua rivalidade com Christian, e nem foi exatamente por sua culpa, mas por culpa da WWE ter ofendido os fãs retirando o título do canadense precocemente. É um sinal positivo e um bom uso do experiente lutador, que eleva os membros da Wyatt Family a um novo patamar (Bray finalmente ganhou alguma coisa na empresa e Luke Harper tem a chance de se estabelecer com as próprias pernas)

Não é de todo ruim para alguém que está há um ano na WWE lutar com um McMahon. Só é decepcionante devido ao sucesso que AJ teve como campeão.

Mas e como fica Aj Styles? Como eu disse anteriormente, caso AJ perca ele provavelmente entrará em uma rivalidade com Shane McMahon, que tem sido especulado para lutar novamente na Wrestlemania. É pouco para alguém que fez um excelente trabalho desde que chegou à empresa, mas ao menos garante que AJ não será deixado de fora do principal evento do ano da empresa (e ele vai lutar com um McMahon, o que é um bom prêmio de consolação, não acham?). AJ não deve enfrentar Cena novamente visto que aparentemente a rivalidade dos dois terminou, e Cena provavelmente lutará ao lado de Nikki contra Miz e Maryse, naquela que deverá ser a luta de aposentadoria de Nikki Bella.

Veja também:  Programação dos Pay-Per-Views da WWE em 2018

Falando na divisão feminina, tudo caminha para termos Becky x Alexa pelo cinturão feminino, agora que Naomi teve de deixar o título vago. Há quem diga que Mickie James pode ser incluída na luta, mas acho pouco provável que o fim da aliança da veterana com Alexa Bliss ocorra tão cedo. É visível que estão utilizando James para aumentar o patamar de Bliss, e isso deve continuar a ocorrer por mais alguns meses.

Quanto a Dean Ambrose… Sobrou ao ex-Shield lutar pelo Intercontinental Championship contra (provavelmente) Baron Corbin, em um confronto que possivelmente irá dar o primeiro cinturão da carreira do “Lone Wolf Calvo”. Ah, e eu quase me esqueci da divisão de duplas. Há a possibilidade dos Hardyz retornarem e enfrentarem os campeões de dupla da WWE. Broken Hardy na WWE seria a coisa mais incrível do ano, e um retorno triunfante de Matt Hardy, que por anos foi o “Outro Hardy” e agora é indiscutivelmente o Hardy mais relevante, por mais tosco que sua personagem seja (é tão tosco que funciona!).

Raw:

Kevin Owens e Chris Jericho provavelmente disputarão o cinturão na Wrestlemania
Chris Jericho e Kevin Owens tem sido uma das poucas coisas interessantes nos shows de segunda-feira. Um problema a ser resolvido.

Para início de conversa, quem irá vencer: Goldberg ou Kevin Owens? O veterano vem com uma gigantesca credibilidade após destruir Brock Lesnar, enquanto Kevin Owens acabou de destruir Chris Jericho, seu antigo aliado. Seja lá qual for o resultado, está nítido que na Wrestlemania Goldberg enfrentará Brock Lesnar e Kevin Owens enfrentará Chris Jericho, mas a grande dúvida é qual das duas lutas será valendo o cinturão. Irá a WWE fazer uma surpresa e colocar os 4 juntos numa luta? Duvido. O mais provável é vermos Chris Jericho causar a derrota de Kevin Owens, ou até mesmo Brock Lesnar atacar Goldberg para que Owens vá para a Wrestlemania com ouro nas mãos. De todo modo, Owens precisa ser protegido aqui, já que dos quatro é o mais jovem e incontestavelmente o futuro da empresa. Rumores falam sobre Brock Lesnar x Goldberg ser uma luta onde o perdedor se aposenta, o que parece lógico visto que Goldberg já não é uma criança e não lutará por muito tempo assim. Se eu tivesse que apostar (e eu adoro apostar), iria sem pensar duas vezes em uma vitória de Kevin Owens contra a lenda da WCW.

Veja também:  WWE Clash of Champions 2017

Fora da rota do cinturão principal temos a luta de Undertaker, que apesar de ter perdido a streak de maneira bizarra, continua sendo um evento a se ver em todas as Wrestlemanias. Na falta de opção é altamente provável vermos o Deadman enfrentar Roman Reigns, por que… Porque Roman é a única opção que sobrou mesmo. É meio triste olharmos como a Streak foi mal administrada, não acham? Uma luta entre os dois teria muito mais drama se Reigns tivesse a possibilidade de ser o primeiro a vencer Undertaker na Wrestlemania, mas agora… Parece só mais uma luta. Bleh.

O cenário do Raw parece bem menos interessante do que o do Smackdown. Seth Rollins está machucado, então não sabemos exatamente se haverá uma luta entre ele e Triple H. Fora isso, temos a divisão feminina, que possivelmente terá várias lutadoras disputando o cinturão, uma luta pelo cinturão de duplas que pode ou não envolver a New Day e a bizarra luta entre Shaquille O’Neal e Big Show, que tem sido especulada há anos e que supostamente seria a última luta da carreira do Big Show (o que para o nosso administrador Izac Luna seria uma benção divina). Eu espero que a Wrestlemania funcione como um ponto de virada para a divisão vermelha da WWE, que precisa trabalhar forte para realizar shows tão interessantes e dinâmicos quanto os da sua contraparte azul.

E aí, discordam ou concordam das minhas previsões? Ah, e quem vocês acham que irá vencer a Andre The Giant Battle Royal? Minhas apostas ficariam em Braun Strowman, mas vamos ver se a WWE apronta com um James Ellsworth vencendo ou algo do tipo. Abraços e até a próxima!

Escrito por Rodrigo Peret

Estudante de Jornalismo, redator e colunista do Wrestlemaníacos. E ídolo do Izac Luna.

Deixe um Comentário

comentário(s)