Especial do Outubro Rosa!

outubro-rosa

Oi meu povo lindo, povo cheroso! Black Cherry aqui, neste mês mais feminino do ano (primavera e o outubro rosa) e eu estou aqui, como sendo a única lady no meio de todos estes homens para trazer a minha homenagem a este mês glorioso e especial, mas com um recadinho no final para todos vocês. Então, se quiserem ler esta minha homenagem e compreender sobre o que eu quero dizer com alerta, cliquem na tag “Leia Mais” ai abaixo e continuem a leitura!

Este post é um extremamente pessoal, pois é muito difícil para nós mulheres sermos consideradas fãs do Pro Wrestling. Uma das coisas que leva a este tipo de sensação é o fato de que, mesmo sabendo de muita coisa, nós somos tachadas de fãs por conveniência, apenas por achar os wrestlers bonitos, mas enfim, não vem ao caso. Este mês é o mês de atenção as mulheres, então, vamos lá, começando com a minha história:

Eu sou fã de Pro Wrestling já faz mais ou menos uns 8 anos e claro que, como todos, eu comecei com o básico no wrestling: promos e segmentos. Lembro que a primeira vez que vi uma promo feminina, foi uma promo que a Lita (uma das minhas deusas) fez em uma match contra, se eu não estou enganada, Molly Holly. Este foi o meu começo do acompanhamento do PW feminino e, de lá para cá, vemos que muita coisa mudou: as mulheres já são diferentes, com estilos e personagens bem diferenciados. Além disso – e isto vai depender e muito do local onde elas lutam – vão ganhando muito mais espaço e fazendo coisas mais memoráveis do que muito marmanjo por ai e isso se reflete nos olhos de muitas das gurias que, assim como eu, se apaixonaram por esse belo esporte e pelas mulheres que nos representam nele, gente como Sasha Banks, Paige, Allysin Kay, Ivelisse, Gail Kim, entre outras que deixam um legado fortíssimo para as potenciais wrestlers que virão.

 Entrando no ponto do alerta, apesar de muitas destas ainda terem muito para nós dar como atletas, um dos pontos de maior importância é o cuidado com a saúde. Entre lesões e outros tipos de machucados graves, uma das coisas que as atletas mais tem em mente é a prevenção. No caso do Outubro Rosa, como muitos devem saber, é de prevenção a um dos tipos de câncer mais mortais que existem: o de mama. Então eu deixo este recado para as garotas que, assim como eu, gostam deste esporte e um dia sonham em fazê-lo, ou até que apenas querem acompanhar o mesmo. A sua saúde é algo muito importante então, neste mês (assim como no resto do ano), procurem fazer seus exames – ou até mesmo o auto exame – que poderá ajudar e muito a vocês poderem se preservar para ver mais deste belo modo de viver: sendo fã de PW. Então eu deixo aqui este alerta: se cuidem, não dá pra saber como vai ser o amanhã…

Com isto eu me despeço de vocês, com esta singela homenagem e espero vocês na próxima crônica, então…

ATÉ LÁ!

13 Comentários

Deixar uma resposta
    • Isso é um fato bastante contundente, mas acho que até por um certo preconceito masculino com o exame de próstata que esse mês não é tão falado como outros.

    • Cês tão de brincadeira, né? Tentando transformar um post importante sobre a importância do Outubro Rosa para todo e qualquer lugar, fandom, etc. em um tipo de post machista? Sério?

      “Do Novembro azul ninguém se lembra.” — Será que é porque ainda é Outubro?
      “verdade mas vale lembrar o outubro rosa” — É claro que sim! O número de mulheres que morre por câncer de mama no Brasil é enorme. E isso por que ninguém se importa. E quando se importam, vem pessoas como vocês e fazem comentários toscos assim. Pode até parecer um comentário inofensivo, mas não é. “mas vale lembrar”? Claro que sim! Sem contar que identificar um câncer de mama não é ão fácil quanto identificar um possível câncer de próstata.

      Enfim, vamos nos atentar para certas coisas que falamos ou comentamos na internet. Pra pessoas que passam por coisas dessas, não é bom ler algo assim.

  1. Congratulations lady do wrestling, gostei do seu post, espero que aconteça com mais frequência.

    Uma lutadora que eu estou gostando muito no momento, é a Taeler Hendrix. Sua gimmick é muito boa. Ela é uma ótima lutadora.

    É muito bom ver uma mulher que gosta de wrestling, espero que isso aconteça com muita mais frequência.

    • A Taeler é uma daquelas lutadoras que se acha em um dos lados, no caso dela como heel e eu adoro quando isso acontece, pois dá mais liberdade pras mesmas serem criativas e isto é algo bastante aproveitável.
      Tenho minha coluna aqui, a Espelho de Circo, se quiser dar uma olhada, eu agradeceria bastante.

  2. Ótima iniciativa Black Cherry! Parabéns a você e ao restante do pessoal que adotam essa ideia de conscientização e solidariedade, principalmente dessa forma direta com os leitores. É bom para refletirmos e também tendo algumas crianças como leitores (r̶o̶m̶a̶n̶r̶e̶i̶g̶n̶s̶1̶6̶) isso é ótimo para orientar desde já.
    Abraços <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *