Pra Ser Sincero #14 – Money in the Bank 2016

banner pra ser sincero

Olá, eu sou Gabriel Goto e este é mais um Pra Ser Sincero! Nesta décima quarta edição, justamente na semana em que ocorrerá um dos meus PPV’s favoritos, o Money in the Bank, nada mais justo do que ser ele o tema de meus breves pensamentos. Vamos lá?

Eu havia planejado falar essa semana sobre o Slammiversary, mas aí ocorreu que eu não vi e não pretendo tão cedo vê-lo, então vamos falar do que realmente vale a pena.

Começando pelo Kickoff, teremos a terceira kickoff match entre Baron Corbin e Dolph Ziggler? Certo? Quão desnecessário é isso? Além disso, teremos Apollo Crews vs Sheamus no mesmo esquema. É ótimo ver os ex-World Champions e caras mais experientes do roster tendo essa relação com os caras que subiram há alguns meses, mas de nada valerá a pena se isso continuar por mais alguns meses, como Ziggler vs Corbin continua até hoje.

Continuando, temos uma Tag Team Match entre a Womens Champion Charlotte e Dana Brooke contra Becky Lynch e Natalya. Francamente, não há coisa mais estúpida para uma campeã lutar num PPV e não ser com o seu título em jogo. Não adianta retirar o Divas Championship, chamá-las de mulheres lutadoras como são e continuar a tratá-las com tamanha incompetência. Subestimam elas de forma grotesca e essa tag team match é a prova de que há alguém que vomita os roteiros, ao invés de escrevê-los.

Temos as 4 lutadoras em um pequeno conflito, no último Raw, Paige surpreendeu e derrotou a atual campeã (o que deveria lhe garantir uma title match em breve) e bem, acredito que tenha várias mulheres na geladeira (Sasha Banks, talvez) e porque acovardar tanto as mulheres da WWE com storylines idiotas como essa? Tipo, eu achei ótima a maneira como separaram Charlotte de Ric Flair, mas apenas isso, o resto foi um completo lixo!

Houveram rumores de que pretendiam fazer uma Women’s Money in the Bank match e isso seria algo surreal e merecido para todas elas. Porém, certamente não concluíram esta ideia por acharem que elas não são capazes. O que eu acredito que seja uma completa besteira. Acredito, que poderiam ter feito uma Ladder Match entre todas as mulheres presentes no atual roster que sejam capazes de competir (Charlotte, Dana, Becky, Natalya e Paige) e certamente elas poderiam fazer um combate memorável, mas ao invés disso eles preferem continuar com essa terrível mesmice.

Veja também:  Espelho de Circo - O retorno de Paige e a despedida de Eva Marie

As coisas começam a melhorar quando temos uma United States Championship Match entre Rusev, o Grande contra Titus O’Neil, o Cachorrão. Eu estou contente com o retorno do Rusev como competidor solo ao lado de Lana e com este novo reinado dele como campeão norte-americano, acredito que possa ser promissor. Não espero muito do combate deles no MITB, embora eu goste de ambos os competidores, será apenas uma match para complementar o card.

Mais uma title match, uma fatal 4-way Tag Team Championship entre os campeões New Day, Enzo Amore & Big Cass, Vaudevillains e The Club. Acredito eu, que essa seja a última luta da New Day como campeões, sendo Karl Anderson e Doc Gallows a acabarem com este reinado. Será uma spotfest match assim como a Money in the Bank match e tem tudo para fazer com que o PPV num geral seja incrível.

Chegamos na melhor parte, uma singles match entre AJ Styles e John Cena com Karl e Doc banidos do ring-side, que cheiro de demônio que esse combate ficou… Enfim, é uma dream match independente do que você pense sobre ambos os lutadores, é uma dream match. É incrível também que John Cena esteja sendo tão bem recebido desde o seu retorno, as pessoas realmente sentiram sua falta.

Espero um combate muito bom entre eles, como vem sendo promovido, com qualidade de evento principal de Wrestlemania. Certamente, o que é pra ser. Estou realmente muito ansioso por esse combate e o ano de 2015 de John Cena é a prova de que ele pode fazer excelentes combates com qualquer um, pois é meio difícil ser carregado por tantos oponentes, né? Felizmente (ou não), agora o pessoal pega apenas no pé do Reigns e deixaram o Cena de lado.

Veja também:  Espelho de Circo - O retorno de Paige e a despedida de Eva Marie

Chegando próximo do fim, temos a Money in the Bank Ladder Match, primeiramente, eu acredito que com todo esse papo de “nova era” o certo seria fazer com que fosse fato uma “nova era”, MITB matches deveriam sempre ser com pessoas que nunca foram world champions e nos últimos anos tivemos Cena, Orton e Sheamus sendo uns dos vencedores e este ano na “nova era” Money in the Bank Ladder Match temos Alberto Del Rio e Chris Jericho como competidores, este último saindo completamente por cima no último Raw.

Por mais que eu seja fã do Jericho, acredito que não haja necessidade de ter ele, embora o seu nome seja um excelente modo de promover um combate desse tipo. Embora não fosse totalmente necessário. Caras como próprio Apollo Crews e Baron Corbin que subiram recentemente, não tiveram se quer a oportunidade de mostrar serviço, já que subiram e já permanecem estagnados no kick-off. Kalisto que até pouco tempo era United States Champion, poderia muito bem ter a oportunidade de estar neste combate e muitos outros nomes, enfim, é apenas um adendo.

Será um excelente combate e que eu posso ver muitas possibilidades, Kevin Owens e Dean Ambrose continuam os favoritos para mim, com um leve aumento para Dean após o último Raw no Ambrose Asylum e toda a história que o rodeia, embora não seria nenhum absurdo ver Cesaro ou Owens vencendo o combate, Sami corre por fora, pois ele não se encaixa como Mr MITB, ele é um underdog natural e não daria certo ele vencendo este combate. Del Rio e Jericho, para mim estão apenas complementando o combate com todas as suas conquistas, mas se eles ganharem seriam uma completa decepção.

Veja também:  Espelho de Circo - O retorno de Paige e a despedida de Eva Marie

Já em clima de Cash-in, teremos Seth Rollins contra Roman Reigns pelo WWE World Heavyweight Championship, um combate muito esperado e que pode ter três finais surpreendentes, se o Roman ganhar que é o mais esperado, como ele ganhará? Há a possibilidade de Rollins enfrentar Triple H no Summerslam, acredito que eles não abandonaram essa ideia, mas Triple H está em turnê com o NXT. Não acredito que fariam Seth perder de forma limpa, algo tem que acontecer.

Se Seth vencer, seria a continuação da estória, fazendo com que pela primeira vez desde que ele ganhou na Wrestlemania do ano passado com que ele saísse de forma esplendorosa por cima. Poderia até ele ter novos caras para complementar uma Shield v2? Por que não? Baron Corbin e algum outro bom heel com potencial. Seria sinceramente excelente de ver.

E a terceira possibilidade é de independente de quem vencer esta title match sofrer o cash-in, embora a possibilidade disso acontecer seja miníma e provavelmente apenas se Ambrose vencer a ladder match, deixa no ar o “e se…”. Pra ser sincero, eu torço por essa terceira possibilidade, acredito que seria muito bom para os três se tivesse Ambrose como campeão no final do show, ele que em 2012 era o mais cotado para ser a cara da stable (até por isso ele ganhou o título singular enquanto Rollins e Reigns o de duplas) e hoje, sendo o mais ofuscado. Ter essa chance de brilhar seria fenomenal.

E termino por aqui esta edição do Pra Ser Sincero, espero que tenham gostado e não deixem de comentar as suas expectativas para o Money in the Bank, quem você acha que irá se tornar Mr. MITB, quem irá sair como campeão mundial e o que poderia melhorar e essas coisas. Até a próxima semana!

Escrito por Gabriel Goto

18 anos, estudante de Letras, amante de Pro-Wrestling e outros bons meios de se contar uma história, escrevo o Pra Ser Sincero e o Wrestling Tales.

Deixe um Comentário

comentário(s)