in ,

Pra Ser Sincero #9 – A Doce Evolução

banner pra ser sincero

Após uma semana de hiato, venho com a nona edição do Pra Ser Sincero já me desculpando pela minha falta, mas é que eu simplesmente fiquei sem nenhum assunto relevante para falar e estava assim até agora em que decidi por tratar de um assunto sempre polêmico e que nunca se gastará, a tal da “PG Era” por mais que agora nos encontremos em uma subdivisão dela, a Reality Era.

Como bom membro da IWC (Internet Wrestling Community) em meus tempos remotos eu aprendi que o que eu via era uma merda e o que ocorreu no passado sempre foi superior. A saudosa Attitude Era é taxada por muitos como a melhor era de Pro-Wrestling e eu não direi o contrário. Em segundo lugar teríamos a Ruthless Agression que seria o recheio desse biscoito chamado Pro-Wrestling. E os saudosistas diriam que o Pro-Wrestling seria muito melhor se voltasse à estes tempos áureos. Eu digo o contrário, quanto mais tempo se distancia destas duas eras em especial, mais o Pro-Wrestling evolui.

Por quê? Eu selecionei alguns pontos para fortalecer este meu artigo e irei expor à vocês.

  1. A Global Cruiserweight Series, se na Attitude Era tínhamos a Monday Night War entre a WWF e a WCW, hoje a WWE não tem concorrentes, mas acaba por “elevar jovens talentos”, afinal temos as qualificatórias para a GCS na EVOLVE que está provavelmente no top 3 indies norte-americanas (PWG em primeiro) E além da EVOLVE tivemos as qualificatórias nas indies britânicas Revolution Pro-Wrestling e PROGRESS, constantemente eles estando em evidência no WWE.com, quer uma divulgação melhor que essa? Sim, eles “tirarão” os melhores deste roster certamente, mas darão uma chance única para wrestlers como Jack Gallagher e eu nem preciso dizer da qualidade no Zack Sabre Jr, certo? Além de que temos a internet que pode nos proporcionar o que quisermos ver quando quisermos (não por muito tempo #InternetJusta) e não apenas WWF e WCW, há milhares de empresas espalhadas pelo planeta cada qual com a sua qualidade.
  2. A divisão de mulheres está próxima de seu auge. Nunca a WWE teve um plantel tão recheado de boas lutadoras e pela primeira vez nesse século elas são vistas com importância e não simplesmente como rostos bonitos, afinal, Lita e Trish Stratus são vistas como “lendas” agora, mas o que elas foram humilhadas há 15 anos é vergonhoso e olha que citei apenas as duas. Talvez o grande problema na divisão hoje seja como num geral, o booking, Charlotte e Natalya fizeram um excelente combate no Roadblock, mas essa feud é bem desnecessária.
  3. O NXT.
  4. Semana passada morreu aos 45 anos a ex-Womens Champion e Intercontinental Champion (a única!) Chyna, ela que foi uma figura importante na Attitude Era e que saiu de maneira muito conturbada da empresa e que curiosamente foi relembrada no Raw de ontem, fico feliz por isso, mas é que morrer tão precocemente assim é algo terrível e ficam muitos questionamentos sobre como ela pode ter morrido e como pode ter ocorrido o declínio tão precoce em sua vida.

Uma das melhores explicações é dizer que antigamente o ramo não era seguro, tivemos mortes precoces com Owen Hart, Chris Benoit e Eddie Guerrero, três nomes gigantescos que mudaram a empresa para melhor, a empresa está mais segura e a PG Era não é por causa das crianças e dos fãs e simplesmente por causa de seus lutadores que precisam dessa proteção. Eles já fazem demais para nos agradar e esse pequeno escudo invisível é o mínimo que eles poderiam ter.

Se fosse hoje, será que teria sido evitada a trágica história de Benoit? Não adianta perguntar por isso agora, mas concussão é algo extremamente sério e temos um exemplo que podia muito bem ter se juntado aos nomes supracitados: Daniel Bryan. Ele queria lutar tanto quanto qualquer um e por um bom tempo ele não entendeu as suas limitações que implicaram em sua aposentadoria, mas aí novamente eu friso, é melhor ter ele aposentado do que morto e se fossem há 10 anos Daniel Bryan poderia ter seguido o mesmo caminho de Benoit.

Nunca antes neste ramo a empresa de Stamford se preocupou tanto com o bem estar de seus lutadores, lesões são algo extremamente normal e dificilmente serão evitadas, mas conforme o amadurecimento desta arte e do avanço medicinal tudo isso torna-se mais seguro e sim, não terá sangue e quando tiver a tela ficará cinza, mas acredite, isso não seria um problema.

Para finalizar, o meu melhor argumento sobre essa era ser a melhor era: O saudosismo alimenta a sua alma com o passado e cada vez menos você irá olhar para frente, há muitas coisas maravilhosas acontecendo agora basta se expandir! Há um leque de possibilidades que você pode seguir e se você acredita que o que fizeram há 20 anos é melhor do que eles fazem hoje, tudo bem, você pode ficar preso em 1996 ou simplesmente se libertar de algo que não te agrada. Mudar de hobby e deixar o Pro-Wrestling de lado.

Comparações são necessárias, mas nunca se apegue ao que já foi. Este foi mais um Pra Ser Sincero, espero que tenham gostado e caso não tenham, sinto muito e prometo fazer algo melhor à vocês. Não deixem de comentar e expressar suas opiniões sobre um assunto como esse, dar sugestões para futuros artigos e tudo o mais que desejarem.

2 Comentários

Deixar uma resposta
  1. Curti demais! E acho que tu já ressaltou, nas suas palavras, mas reafirmo. Devemos valorizar os atuais talentos, sem esquecer os mais antigos, de modo que não se tornem lendas, somente depois de “velhos”. O exemplo de um grande lutador e lenda que, sem dúvidas, concretiza o que eu disse é o saudosíssimo Mark Calaway, para quem não sabe, The Undertaker. Outros dois exemplos recentes, que mesmo cedo,, tiveram que abandonar essa carreira, Daniel Bryan e Edge. Consagrados serão, sem dúvidas, mas as mudanças são uma constância na humanidade, conseguinte nas coisas/empresas/instituições, afinal, mudar pode não fazer bem, vejamos a TNA, mudou, fez sucesso, mudou, mudou, mudou e se perdeu(infelizmente). A WWE se mantém firme e no topo da sua área. Se isso acontece, é, provavelmente, porque eles estão fazendo bons trabalhos, mesmo que não seja do agrado de todos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Spoilers: WWE Superstars – 29/04/2016

Atualização sobre potencial venda da TNA – Rede de TV interessada?