Sami Zayn e Kevin Owens abandonaram tour britânica; lutadores estariam mal vistos na WWE?

Após o Hell in a Cell, Sami Zayn e Kevin Owens tornaram-se a dupla contra a Autoridade do SmackDown Live. Todas as semanas seguintes vimos a tensão dos canadenses crescer com o comissário da brand Shane McMahon, mas é possível que esses problemas também existam nos bastidores da WWE e não apenas na storyline.

Recentemente, o Wrestling Sheet informou exclusivamente que Kevin Owens e Sami Zayn abandonaram a turnê da WWE no Reino Unido. Por si só, esta não é uma notícia tão interessante, já que KO também deixou a América Latina há algumas semanas, porque ele precisava acompanhar sua família em uma situação pessoal.

O que é interessante notar nesta oportunidade é que a saída de KO e Sami poderia ser uma medida disciplinar, embora as circunstâncias que conduziu a isso sejam desconhecidas no momento. Esta é uma notícia de última hora, não há muitos detalhes confirmados, mas o Pro Wrestling Sheet indica que duas fontes independentes confirmaram esta versão.

Aparentemente, tudo aconteceu após as gravações do SmackDown em Manchester, na Inglaterra, nas quais os canadenses tinham um segmento com Shane McMahon e a The New Day que levaram a uma vitória de Kofi Kingston sobre Zayn. Após um ataque subseqüente, foi confirmado que Sami e KO enfrentariam The New Day na semana que vem, que pode não acontecer.

Veja também:  Cobertura: RAW - 06/11/2017

A situação continua chamando atenção já que alguns lutadores estão insatisfeitos com essa situação dos lutadores na WWE.

Fonte: Superluchas

Deixe um Comentário

comentário(s)