in

Terceira Corda #2 – Chega de Kofi-Mania

A WWE consegue saturar mais um personagem que por muito tempo foi querido e que torcemos tanto pra chegar onde está, entretanto, chega de Kofi Kingston, chega de Kofi-Mania.

Bem-vindos à segunda edição do Terceira Corda, hoje com um tema controverso, a chegada ao topo de Kofi Kingston e como manter ele por muito tempo nesse patamar pode prejudicar uma das figuras mais queridas do passado recente da WWE.

Kofi chegou a WWE em 2006 mas, só foi fazer sua estreia televisionada em Janeiro de 2008, em um episódio da finada ECW, contra David Owen, um combate que por mais que curto foi o bastante pra observar um possível potencial naquele jovem “jamaicano”. De lá pra cá é história, foram diversos títulos, incluindo 4x Intercontinental Champion; 8x Tag Team Champion; 3x United States Champion e claro a maior consagração de sua carreira que foi o WWE Championship do qual ele ainda é o detentor, é um currículo e tanto, invejado pela maioria do plantel atual da companhia porém, sua maior conquista pode ter sido um gatilho pro declínio do personagem e direi os porquês de estarmos cansados de ter Kofi como detentor do ouro maior da WWE.

Voltando alguns meses em 2019, precisamente em Fevereiro; nas vésperas do Elimination Chamber no qual tínhamos uma luta – da qual leva o nome do evento – pelo WWE Championship – na época defendido por Daniel Bryan – com os 6 lutadores anunciados para contenda sendo: AJ Styles, Samoa Joe, Jeff Hardy, Randy Orton, Ali e claro o campeão Daniel Bryan. Entretanto nas vésperas do PPV tivemos a concussão de Ali, o tirando do evento, como substituto a WWE encontrou Kofi Kingston como a melhor opção. Em um combate tenso e de ótima qualidade, o substituto e zebra no evento sobreviveu até o final, sendo derrotado pelo campeão que conseguira reter seu ouro ao final do evento.

Veja também:  AJ Styles defende seu título contra Cedric Alexander no WWE Clash Of Champions

Antes apenas um substituto, a WWE viu potencial em impulsionar Kingston na escalada pelo título, principalmente pelo engajamento de seu personagem com a torcida e seu aspecto de subestimado por 11 anos. Por semanas assistimos a tentativas frustradas de Kofi conseguir seu direito a uma luta um contra um contra Bryan porém “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura”, e tínhamos então o combate da carreira do principal membro da New Day marcado para o maior palco da luta livre mundial: a Wrestlemania.

Em um combate deveras morno mas com seus 5 minutos finais totalmente pegando fogo, chegara a consagração de um lutador que batalhou 11 anos por aquilo, por aquele momento, por aquele título, Kofi Kingston havia conquistado o WWE Championship na Wrestlemania, para delírio de todos no Met Life Stadium, todos que assistiam ao redor do mundo via WWE Network. Pronto, seu maior desejo havia sido realizado e a pergunta era: “E agora?”.

Agora chegamos a questão que engloba o título deste artigo. A WWE começou a ver que com Kingston como campeão as vendas alavancaram e a torcida ia ao delírio em todo show semanal, com isso Kofi passou a ser imbatível, saindo por cima de rivalidades contra lutadores com um nível técnico muito maior que Kingston e alguns que seriam melhores campeões que nosso atual detentor do cinturão principal da principal empresa de Professional Wrestling do mundo, estamos falando de nomes como: Dolph Ziggler, Kevin Owens e Samoa Joe, nomes de peso na história do wrestling, nomes que merecem muito mais esse título que o próprio Kofi. O motivo do reinado que deveria ter sido de apenas um mês ou dois, já se estender pelo quinto mês é claro: o engajamento com a torcida em todos os shows e as vendas. Porém, isso já cansou, já estamos cansados de ver um campeão que não tem nível pra ser imbatível vencer grandes nomes com certa facilidade, cansamos da New Day já tem tempo (falaremos disso em um artigo a parte).

Veja também:  SmarkDown! - Antevisão: WWE Clash of Champions

Precisamos de um novo campeão, precisamos que esse título ocupe a cintura de outro lutador, que seja Randy Orton, que recentemente entrou na rota pelo cinturão porém, após um combate horroroso no SummerSlam em que terminou por Count-Out duplo – coisa INACEITÁVEL em um combate por um cinturão com tanta história – torcemos para que no Clash Of Champions, Orton saia com aChampion. Ele é a melhor opção para um novo reinado? NÃO, definitivamente não é mas, pode abrir portas para lutadores como Kevin Owens, Ali, entre outros serem campeões futuramente. Então mesmo que seja um campeão de transição, Randy Orton precisa vencer Kofi Kingston, porque cansamos de panquecas, cansamos de poder da positividade, cansamos de Kofi-Mania.

Essa foi mais uma edição do Terceira Corda, deixem na caixa de comentários a opinião de vocês sobre o atual estado do WWE Championship, quem vocês querem ver como campeão, além de mais temas para as próximas edições. Eu sou Junior Freitas e volto em breve com mais uma edição do Terceira Corda, até breve.

5 Comentários

Deixar uma resposta
  1. Ah, cara, desculpa, mas já encheu o saco isso. Parece que os “especialistas” em wrestling se tornaram especialistas em reclamar. Qualquer um que esteja no topo automaticamente fica “saturado” ou “boring”. Não apenas Kingston, mas Rollins e Becky Lynch também passaram a sofrer hate recente. Parece que a graça do negócio é reclamar. Não duvido nada que se um dos eternos underdogs, como Cesaro, virar campeão, em pouco tempo também vai se tornar desinteressante. Porque o que importa é reclamar. Queria mesmo que o campeão saísse por baixo das rivalidades em que se envolve? Ou que depois do conto de Cindetella da Wrestlemania ele já perdesso o cinturão de cara só porque o adversário era um queridinho como Owens? Ah, por favor. Menos, né?

  2. Eu concordo que esteja na hora de Kofi perder o título, mas não porque ele está saturado, muito longe disso, mas sim porque não tem muito mais o que fazer com ele como campeão, mas a rivalidade dele com o Orton está boa e deve durar pelo menos por mais um PPV. Acho que uma Hell in a Cell é perfeita pra fechar a rivalidade dos dois. Agora acho que a WWE precisa continuar usando em rivalidades one vs one ao invés de voltá-lo com a New Day, talvez uma feud com o Roman na WrestleMania para o samoano virar heel.

  3. Discordo totalmente….custamos sai da mesmisse…pode perde sim…mais não seria engajado como diz…Koffy mereceu mto esse momento….e concerteza não deveria ser rápido…Koffy mto talentoso…pode não te Cido um melhor reinado…mais sim foi um mto boom

  4. Randy Orton é a melhor opção para ser campeão e quem diz que Kevin Owens ou o Ali especialmente o Ali é melhor opção para ser campeão que o Randy Orton claramente não sabe o que está a dizer e não percebe mesmo nada disto e também é STUPID STUPID STUPID

  5. O problema desse reinado do Kofi é q ele até hj n fez nenhuma luta empolgante. Todas foram de fracas pra medianas e isso é péssimo para o campeão e para o próprio cinturão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Maníacos por Apostas WWE Money In The Bank

Maníacos por Apostas – Clash of Champions

SmarkDown! – Antevisão: WWE Clash of Champions