World Wide Wrestling: ROH 15th Anniversary Show

Confira a cobertura do show de 15 anos da companhia!

Olá a todos e bem-vindos a mais um WWW. Hoje falarei a respeito do mais recente show do Ring of Honor, o 15th Anniversary Show, comemorando 15 anos de história da companhia que, ao longo de vários anos, fez e faz um impacto inigualável no mundo do wrestling, o qual eu acredito que muitas vezes passa desapercebido para a audiência em geral. Comecei a acompanhar o ROH em 2005, quando CM Punk ganhou o ROH World Championship de Austin Aries no Death Before Dishonor III, numa luta fantástica e um dos momentos mais memoráveis da companhia que deu a início a uma das histórias mais intrigantes do ROH. Este main event, por si só, já mostra alguns dos nomes que a ROH ajudou a colocar no mapa, e ao longo deste review veremos alguns outros que estão cada vez mais em evidência por conta de suas carreiras na companhia.

ROH 15th Anniversary Show

ROH 15th Anniversary Show

10 de março de 2017 | Sam’s Town Live Casino em Las Vegas, Nevada

O show iniciou com um vídeo sensacional sobre a história da companhia e alguns dos main events ao longo dos 15 anos de Anniversary shows do ROH, mostrando grandes nomes que fizeram parte deles, e, por fim, destacando o main event desta noite, pelo ROH World Championship.

Singles match
Jay White vs. Kenny King (w/ Caprice Coleman)

Eles começaram um combate bastante parelho. White mandou um Kokeshi (para alegria da torcida), como um tributo a Tomoaki Honma, que continua em recuperação. Depois que King acertou um suicide dive, White acertou King com vários golpes dentro do ringue e acertou Caprice Coleman com um suicide dive, quando King saiu do caminho. De volta ao ringue, eles continuaram tendo uma luta bastante parelha, que levou a uma trocação bastante intensa. Eles foram até a top rope e White acertou um crossbody em King, que conseguiu contra-atacar, pegando White nos ombros. White, no entanto, contra-atacou com um small package e conseguiu a vitória de forma inesperada.
Vencedor: Jay White em 9:49
Avaliação: *** (Luta bastante sólida e boa para começar o show.)

ROH TV Championship Number One Contender’s Six Man Mayhem Match
Frankie Kazarian vs. Cheeseburger vs. Chris Sabin vs. Hangman Page vs. Punishment Martinez vs. Silas Young

Desde o início, esta luta foi insana, com ação constante. Cheeseburger tentou um dive pra fora do ringue, mas foi pego por três competidores. Então Martinez, que é enorme, mandou um somersault pra ter certeza de que todo mundo iria pro chão. Foi um feito impressionante para um wrestler do tamanho que ele tem. Martinez dominou a luta por vários momentos, sendo necessário que os outros cinco lutadores atacassem ele de uma só vez para interromper seu ataque. Todos acertaram seus golpes e não houve sequer um minuto sem qualquer coisa maluca acontecendo no combate. No final da derradeira sequência de golpes do combate, Kazarian acertou o Ace of Spades em Cheeseburger, para conquistar a vitória e uma chance de lutar pelo ROH TV Title.
Vencedor: Frankie Kazarian em 10:11
Avaliação: ***1/2 (Luta muito boa, com ação constante e de ótima qualidade.)

ROH World Championship Top Contender’s Match
Jay Lethal vs. Bobby Fish

Ambos começaram a luta com um excelente display de mat wrestling, mas logo, Fish se cansou e começou a chutar Lethal, mandando-o pra fora do ringue. Lethal não demorou muito para devolver o favor e mandar Fish para fora do ringue. Lethal então ficou segurando as cordas para Fish entrar no ringue, que não gostou nada do ‘favor’ e chutou as pernas de Lethal, que tentou um suicide dive, do qual Fish desviou, jogando Lethal direto na barricada. Lethal acertou o tórax na barricada e ese foi o alvo de Fish no restante do combate. Lethal, aprendendo com seus erros, foi pra um outro suicide dive em Fish, que estava em frente à rampa onde não havia barricada. De volta ao ringue, a luta foi ficando mais e mais intensa. Lethal aproveitou-se das cordas para bloquear um golpe de Fish e acertou um cutter. De alguma forma, Fish conseguiu contra-atacar um elbow drop de Lethal com um Fish Hook, que por muito pouco não fez Lethal desistir. Lethal tentou acertar o Lethal Injection a todo custo, mas Fish continuou evitando ele, inclusive acertando um belo counter em outro Fish Hook. Lethal sobreviveu à submissão e os dois entraram numa trocação muito intensa, até que Lethal conseguiu finalmente acertar o Lethal Injection para conseguir a vitória!
Vencedor: Jay Lethal em 15:07
Avaliação: ****1/4 (Luta excelente, pois tudo o que eles fizeram pareceu ter um significado e eles lutaram pela chance de poder desafiar pelo título mundial. Fish atacando o tórax é diferente e eles fizeram funcionar. Apenas dois dos melhores da companhia numa luta de wrestling com um fim convincente.)

ROH Six Man Tag Team Championship
The Kingdom (c) vs. Dalton Castle & the Boys

Dalton & the Boys começaram a todo vapor, acertando dives no Kingdom e deixando a torcida maluca. Kingdom conseguiram se recuperar e passaram a dominar a luta, trabalhando sobre os Boys. Os campeões continuaram na ofensiva por quase toda a luta. Os Boys usaram Twin Magic, à la Bella Twins, e só assim conseguiram o tag em Dalton, que deu um show em cima dos campeões, até que os Boys passaram a ser atacados. Na confusão, TKO’Ryan acertou um top rope Asai moonsault e acertou sua canela na barricada, quebrando a perna em dois lugares. Isso fez com que a luta fosse terminada imediatamente, com Matt Taven e Vinny Marseglia acertando um assisted powerbomb em um dos Boys para conseguir a vitória.
Vencedores e ainda campeões: The Kingdom em 7:49
Avaliação: *** (Uma luta bem divertida até a fatalidade com O’Ryan acontecer. Um ponto positivo da luta foram os Boys, que foram surpreendentemente bons durante toda a luta.)

Marty vs. Lio

ROH World Television Championship
Marty Scurll (c) vs. Lio Rush

Rush conseguiu esta title shot com uma vitória sobre Scurll numa 2/3 falls match. Ele começou usando sua velocidade para desequilibrar Scurll logo no início. Scurll também não tardou a usar suas táticas de vilão para atacar mão e braço de Rush. Scurll tentou ‘quebrar’ o dedo de Rush, que contra-atacou com um tapa brutal que pareceu um tiro. Marty continuou atacando o braço, mas Rush não deixou ele estabelecer um domínio muito grande, contra-atacando sempre que possível. Rush parecia estar construindo um breve domínio sobre Marty, até que tentou levantá-lo, e seu braço não aguentou. Eles acertaram várias bombas um no outro até que Scurll aplicou o chickenwing. Rush escapou com um cradle, que conseguiu um 2-count, e então levou um piledriver, do qual conseguiu um kick-out. Lio acertou o Rush Hour (Spanish Fly) em Marty, mas não foi o suficiente. Bastante frustrado, ele foi pegar o cinturão para usar como arma, mas pensou duas vezes e acertou um Dragon’s Claw para outro near-fall. Lio então pegou algumas cadeiras e as posicionou do lado de fora do ringue para tentar um superplex em Marty sobre as cadeiras, de dentro para fora do ringue. Marty conseguiu escapar, acertou o Tower of London e conseguiu encaixar o chickenwing novamente. Ele arrancou as fitas que estavam protegendo o ombro de Rush, piorando a situação dele, de forma que ele não resistiu e teve que desistir do combate. Marty mantém o cinturão!
Vencedor: Marty Scurll em 18:32
Avaliação: **** (Luta fantástica, com Scurll sendo um tremendo de um vilão badass, que dominou Rush, o underdog, por grande parte do combate. Eu, particularmente, sou um grande fã deste tipo de combate e achei este sensacional.)

Six-Man Tag Team Match
The Briscoes & Bully Ray vs. Davey Boy Smith Jr. & War Machine

Originalmente, esta luta seria entre Briscoes e Killer Elite Squad, mas Lance Archer está de molho por alguns meses em razão de uma hérnia de disco. Uma das histórias desse combate é que Davey e War Machine, que são adversários na NJPW, tem uma certa tensão nesta parceria improvisada. Os seis wrestlers começaram o combate com um grande brawl, mas as coisas logo se acalmaram um pouco. Os time dos Briscoes e Ray mandaram um WAZZUP e quando iam pegar as mesas, foram interrompidos. Depois de vários minutos apanhando, os Briscoes conseguiram o tag em Ray. Bully acertou um raro crossbody nos seus adversários. Hanson foi alvo de um Jay Driller e Froggy Bow, enquanto Rowe, que levou um spear acidental de Davey, e acabou tomando um triple team 3D que acabou com o combate.
Vencedores: Briscoes & Bully Ray em 11:44
Avaliação: *** (Um brawl muito bom e uma boa estreia de Bully Ray na companhia. Por algum motivo, o time dos Briscoes e Bully funcionou, com uma química bem legal. Pode ser algo bacana para Buly Ray fazer até que, eventualmente, ele chegue no world title.)

Depois do combate, Davey e War Machine quase foram às vias de fato por conta da derrota.

ROH World Tag Team Championship Las Vegas Street Fight
The Hardys (c) vs. Roppongi Vice vs. The Young Bucks

Antes da luta, a TNA mandou um mandado “cease and desist” para os Hardys afirmando que eles eram donos da propriedade intelectual referente ao “Broken Universe”. A fim de evitar quaisquer implicações legais, o ROH não enfatizou qualquer aspecto dos gimmicks que os Hardys vêm utilizdo nos últimos meses, sem chamar Matt de “Broken” ou Jeff de “Brother Nero” ou induzindo quaisquer chants de “DELETE”. Essa luta foi simplesmente insana, com muito foco nas interações entre os Bucks e os Hardys. Quando as escadas entraram no jogo, RPG Vice passou a dominar a luta. Num dos momentos malucos da luta, Beretta empurrou uma escada na qual estava Nick Jackson, que caiu nas cordas e depois em cima de todos os outros wrestlers. Rocky Romero pegou uma manga (roupa, não fruta) coberta de lantejoulas, e saiu acertando clotheslines em quem estava na frente. O coitado do Beretta levou um electric chair drop nas lantejoulas, depois teve algumas delas colocadas em sua boca, onde ele tomou um superkick. Depois de mais insanidade, Beretta foi colocado em cima de uma mesa e levou um Swanton Bomb de Jeff, que assim conquistou a vitória.
Vencedores e ainda campeões: The Hardys
Avaliação: ****1/2 (Como eu disse algumas vezes nessa no review, essa luta foi INSANA. Essa tem sido a regra nas últimas lutas dos Young Bucks, ainda mais considerando que os Hardys estavam nela. Contudo, a grande surpresa foi RPG Vice, que também fez parte de alguns spots malucos e foi o grande destaque da luta, ainda que tenham sido derrotados no final dela.)

ROH World Championship
Adam Cole (c) vs. Christopher Daniels

Daniels conquistou esta chance ao título após vencer o torneio “Decade of Excellence”. O recorde do Daniels em ROH Title matches é de zero vitórias, 8 derrotas e 1 empate. A história da luta é que o campeão com a confiança lá em cima estava fazendo pouco caso do veterano que nunca conseguiu ganhar o ‘big one’. Isto fez com que Cole simplesmente não levasse Daniels a sério por boa parte do combate. Daniels se machucou e ficou com a cabeça sangrando. Isto fez com que ele passasse a lutar com ainda mais vontade, mas não conseguia terminar o serviço. Ele mandou um Styles Clash em homenagem ao seu amigo AJ Styles, e quase conseguiu a vitória com o ataque. O árbitro então foi vitima de um superkick acidental de Cole, e Kazarian veio ao ringue, aparentemente para se certificar de que o companheiro de Bullet Club mantivesse o título. Ele lança Daniels de fora para dentro do ringue e o Cole quase acerta Kazarian. Kazarian então pega o cinturão, mas joga ele no chão e rasga sua camisa do Bullet Club pra relevar uma camisa do Christopher Daniels! Cole fica chocado, toma um uranage, um Best Moonsault Ever, seguido de outro Best Moonsault Ever e… OUTRO Best Moonsault Ever pra liquidar a conta! Christopher Daniels finalmente vence o ROH World Championship!!!
Vencedor e NOVO ROH Champion: Christopher Daniels
Avaliação: ***¾ (Esta foi uma ótima luta, mas, acima de tudo, o momento em volta dela foi simplesmente fantástico, com um dos grandes nomes do ROH tendo a sua coroação depois de tantos anos batendo na trave. Eu particularmente também achei muito bem bolada a história de Daniels e Kazarian enganando os ‘novatos’ e se utilizando deles para conseguir o que eles querem.)

Daniels teve uma grande celebração no ringue, com vários talentos vindo do vestiário para celebrar a sua vitória. Para tornar o momento ainda mais especial, o presidente da companhia, Cary Silkin, entregou a Daniels o cinturão original do ROH World Championship, utilizado até alguns anos atrás.

Christopher Daniels ROH Champion

Avaliação final: Mais um PPV bastante consistente da ROH, com grandes lutas entre Lethal/Fish, Scurll/Rush e Hardys/Bucks/RPG. É uma companhia que fica bastante escondida sob o radar, porém sempre tem um produto bastante bom e com um wrestling de excelente qualidade. Show muito recomendado.

Muito obrigado e até o próximo WWW!!!

Deixe um Comentário

comentário(s)