Os oito Superstars mais desvalorizados atualmente na WWE

Lista foi publicada em artigo no site WWE.com

A WWE publicou recentemente um artigo em seu site oficial, o WWE.com, listando os oito Superstars mais desvalorizados da empresa atualmente. A lista inclui homens e mulheres do roster principal e da divisão de base NXT. Confira abaixo:

The Miz
The Miz ocupa o primeiro lugar na lista. Estreou como um lutador visto para ocupar o Main Event, porém com o passar do tempo começou a ser deixado para o Mid-Card. Atualmente ele vem participando de rivalidades contantes pelo Intercontinental Title.

Seus momentos mais relevantes atualmente foram conquistar o Intercontinental Title com a ajuda de Maryse no RAW-pós WrestleMania 32 vencendo Zack Ryder, que era o atualmente, e sua promo heel confrontando Daniel Bryan no Talking Smack por não poder mais lutar.

American Alpha
O segundo lugar fica por conta dos American Alpha. Desde que o SmackDown Live tornou-se a terra das oportunidades, vimos diversos lutadores recebendo destaque de maneiras que nunca imaginariam. Como exemplo temos Jinder Mahal e James Ellsworth.

Porém, os American Alpha, mesmo sendo uma das melhores duplas que o WWE NXT já teve, não conseguiram brilhar no roster por tanto tempo. Conquistaram os SmackDown Live Tag Team Titles, mas tiveram um curto reinado. Atualmente eles estão meio “sumidos” dos shows televisionados.

Emma
Em terceiro lugar temos Emma. A primeira lutadora australiana contratada pela WWE foi uma das responsáveis pelo grande destaque que a divisão feminina está recebendo atualmente. Impossível não lembrar da rivalidade entre ela e Paige pelo NXT Women’s Title. A lutadora esteve no topo do WWE NXT por um curto período. Além disso, foi a primeira lutadora do NXT a subir para o roster principal. Entretanto, sua gimmick babyface não agradou ao público dos shows principais.

Veja também:  Chris Jericho acredita que The Rock irá se candidatar a presidente dos EUA

Seu momento no topo foi durante o torneio para decidir quem seria a primeira NXT Women’s Champion da história. Emma enfrentou e perdeu a luta final para Paige. Logo em seguida as duas tiveram uma rivalidade que durou até o NXT ArRival. O evento foi o primeiro especial da divisão, e local onde ambas se enfrentaram pela última vez com o título feminino do NXT em jogo.

Atualmente, Emma tem ficado “perdida” no roster, visto que não participa de nenhuma storyline interessante. Quando ela está prestes a conseguir um pouco de destaque novamente, ela infelizmente se lesiona. A lutadora já chegou a ser mandada de volta ao NXT para mudar sua gimmick, e dessa vez deu certo. Grande parte do público gosta de sua performance como heel. Porém, mesmo assim ela continua “esquecida” para os roteiristas do RAW.

Cedric Alexander
Cedric Alexander ocupa o quarto lugar na lista. O lutador foi um grande destaque no WWE Cruiserweight Classic realizado no ano passado. Que a Cruiserweight Division realiza lutas muito boas ninguém pode discutir. Porém a WWE não mostra muito interesse no 205 Live, que é o show semanal para os lutadores dessa categoria.

Dessa maneira, Cedric Alexander fica mal aproveitado nas rivalidades, participando apenas de combates aleatórios. Os roteiristas do 205 Live também parecem não dar muita importância para o show, visto que muitos fãs demostram desinteresse em assisti-lo devido as storylines não serem tão criativas nem legais.

Veja também:  Vince McMahon estará de volta no SmackDown

Curtis Axel
Curtis Axel, filho de WWE Hall of Famer, tem sua vaga garantida na lista em quinto lugar. Em sua carreira, podemos citar que o lutador já foi Intercontinental Champion; já participou da grande stable Nexus; já fez dupla com Ryback; e já fez parte da stable Social Outcasts.

Após sua passagem pela Nexus, Curtis Axel ficou “apagado” no roster, até que os roteiristas conseguiram dar um pouco de destaque para ele ao colocá-lo na rivalidade pelo Intercontinental Title. Porém, após perder o título, os roteiristas não conseguiram mais mostrar interesse em adicionar o lutador para storylines.

Apollo Crews
No sexto lugar da lista vemos Apollo Crews. Um talento muito jovem que não foi bem aproveitado no WWE NXT nem no roster principal. Não possui nenhum grande destaque na carreira nem conquista de títulos.

Seu maior momento foi no NXT, quando enfrentou Finn Bálor pelo NXT Title. Subiu para o roster principal da WWE muito cedo, e atualmente tem Titus O’Neil como seu manager, visto que ambos são lutadores “perdidos” no roster do RAW.

Liv Morgan
Em sétimo lugar vemos Liv Morgan ser listada. A jovem lutadora que já chegou a enfrentar a atual NXT Women’s Champion, Asuka, não recebe mais nenhum destaque na divisão do NXT, nem tem muita oportunidade para se desenvolver em ringue e em microfone.

Veja também:  Surgem novidades sobre os planos para Roman Reigns

A chance de Liv Morgan emplacar seu sucesso no NXT seria com manager de Enzo Amore e Big Cass, pois ela combina muito melhor com eles do que a Carmella. A prova disso é tão clara que ao subirem ao roster principal, os lutadores foram mandados para o RAW, enquanto a lutadora foi mandada para o SmackDown Live.

Atualmente, Liv Morgan apenas participa de lutas não importantes da divisão durante shows televisionados do NXT, além de apenas ser usada nos Live Events para preencher o card. Já enfrentou diversas vezes Peyton Royce & Billie Kay, tendo até uma pequena rivalidade contra as duas com ajuda de Ember Moon.

Gran Metalik
Em oitavo e último lugar, mas não menos importante, temos Gran Metalik. Este é outro lutador da Cruiserweight Division. Como já citado, a divisão é ignorada e mal-aproveitada pela WWE e pelos roteiristas, mesmo com lutas excepcionais.

O lutador tem o apelido de “El Rey de las Cuerdas”, traduzindo, “O Rei das Cordas”. Mesmo com um apelido assim, ele, infelizmente, tem poucas oportunidades de mostrar ao público o seu talento. O problema dos Cruiserweights fica mais por conta do desinteresse pela divisão em que atuam.

Clicando aqui você confere o artigo original da WWE em Inglês.

Escrito por Vinícius

Estudando para ser Nefrologista;
O Senhor é meu pastor; nada me faltará. (Salmos 23-1).

Twitter ID: @ninhoPROJECT
PSN ID: ninhoPROJECT

Deixe um Comentário

comentário(s)